Folha Ubajarense » Para webdesigners e blogueiros de plantão
Entrevistas e Homenagens

Confira as entrevistas concedidas ao Jornal Folha Ubajarense. Em breve a sessão Homenagem Póstuma estará disponível

Ibiapaba online

Notícias da Ibiapaba:Viçosa do Ceará, Tianguá, Ubajara, Ibiapina, São Benedito, Guaraciaba do Norte e Carnaubal

Polícia

O interior do Estado do Ceará não é mais o mesmo. Violência, criminalidade e acidentes no trânsito fazem parte da rotina

Ubajaridade

A essência de ser ubajarense permanece arraigada nos habitantes dessa cidade pacata e de clima agradável

ümor

Artigos, Crônicas, Piadas. Tudo aquilo que você não precisa saber para viver com dignidade e qualidade de vida está aqui

الرئيسة » Editorial

Para webdesigners e blogueiros de plantão

أرسلت بواسطة Monique Gomes في segunda-feira, 12 abril 2010لا تعليقات

Todos vocês sabem que publicidade é a nossa mercadoria. Os terráqueos normais muitas vezes não entendem que publicidade é um produto que não dá pra ficar distribuindo como se fosse pirulito. Entretanto, o Ministério da Saúde está disponibilizando um site com informações sobre a Gripe H1N1 e um vasto material de divulgação da Campanha Nacional de vacinação, entre outras formas de prevenção.  Vamos colaborar. Arrume aí um cantinho no seu site ou blog para publicar um selo, banner ou a tabela da vacinação. Entre agora mesmo na página  http://www.vacinacaoinfluenza.com.br/site/conteudo/vacinacao.asp e escolha seu modelo preferido.I  

Monique Gomes
Editora

I“ O objetivo da vacinação contra a Influenza H1N1 é proteger grupos com maior risco de desenvolver doença grave ou evoluir para morte durante uma possível segunda onda da pandemia. Além disso, o Ministério da Saúde pretende garantir o funcionamento dos serviços para atendimento ininterrupto dos casos suspeitos ou confirmados da Influenza H1N1, por meio da vacinação dos trabalhadores da Saúde.I

Até o momento, o comportamento da nova gripe se assemelha ao da gripe comum. Ou seja, o vírus pandêmico (H1N1) 2009 não se apresentou mais violento ou mortal, na população geral. A maioria absoluta das pessoas que adoece, seja pela gripe comum, seja pela gripe pandêmica, desenvolvem formas leves da doença e se recuperam, mesmo sem uso de medicamentos. Para ambas as gripes, pessoas com doenças crônica, gestantes e crianças menores de dois anos são mais vulneráveis.I 

Mas quando se considera a população jovem previamente saudável, este vírus pandêmico tem um maior potencial de causar doença grave, quando comparado com o vírus da gripe comum. Por outro lado, o vírus pandêmico tem acometido menos as pessoas maiores de 60 anos. Mas ainda são necessários estudos mais aprofundados que estão sendo realizados, em todo o mundo, para esclarecer o comportamento do novo vírus.I 

Estas evidências ajudaram a definir os grupos prioritários que deverão ser vacinados: população indígena aldeada, gestantes, portadores de doenças crônicas, crianças maiores de seis meses e menores de dois anos de idade e a população de 20 a 39 anos. A vacinação em massa para a contenção da pandemia não é o foco da estratégia estabelecida para o enfrentamento da segunda onda pandêmica em todo o mundo. Por um motivo simples, esta contenção não é mais possível em todo o mundo.I

Os objetivos primordiais da campanha de vacinação são: proteger os trabalhadores da Saúde, de modo a manter o funcionamento dos serviços de saúde envolvidos na resposta à pandemia, e para alguns grupos selecionados reduzir o risco associado à pandemia de influenza de desenvolver doença grave e morrer. No Brasil e em outros países, esses grupos foram evidenciados como os de maior risco de apresentarem complicações graves e mortes por infecção pelo vírus Influenza H1N1″.I

FAZER UM COMENTÁRIO

Participe. Deixe seu comentário aqui