Folha Ubajarense » Equipe da Secretaria de Saúde esclarece óbito de recém nascido
Entrevistas e Homenagens

Confira as entrevistas concedidas ao Jornal Folha Ubajarense. Em breve a sessão Homenagem Póstuma estará disponível

Ibiapaba online

Notícias da Ibiapaba:Viçosa do Ceará, Tianguá, Ubajara, Ibiapina, São Benedito, Guaraciaba do Norte e Carnaubal

Polícia

O interior do Estado do Ceará não é mais o mesmo. Violência, criminalidade e acidentes no trânsito fazem parte da rotina

Ubajaridade

A essência de ser ubajarense permanece arraigada nos habitantes dessa cidade pacata e de clima agradável

ümor

Artigos, Crônicas, Piadas. Tudo aquilo que você não precisa saber para viver com dignidade e qualidade de vida está aqui

الرئيسة » Ubajaridade

Equipe da Secretaria de Saúde esclarece óbito de recém nascido

أرسلت بواسطة Monique Gomes في segunda-feira, 20 setembro 2010لا تعليقات

A aposentada Maria Messias, em entrevista concedida a Rádio Club FM de Ubajara nesta semana, fez uma denúncia sobre um caso de neglicência médica no Hospital da Unidade Mista em agosto. Segundo ela, sua nora, Antônia Fernandes de Lima, teria perdido o bebê em consequência de falta de atendimento.I

O Secretário de Saúde, Grijalva Parente, o Diretor do Hospital, Tarcísio Alencar, médicos e a chefe de enfermagem estiveram no estúdio da rádio para prestar esclarecimentos acerca do fato. O programa foi transmitido no dia 14 de setembro.I 

“A parturiente estava com o feto morto e nós não podíamos fazer a cesária porque ela correria o risco de morte. Então o procedimento era fazer a indução para que o feto saísse. Como a família não aceitou que esse procedimento fosse feito, encaminhamos para o Hospital São Camilo, porque chegando lá, não haveria interferência de ninguém”, disse Tarcísio Alencar, Diretor do Hospital.I

Antônia Fernandes de Lima estava na sexta gravidez, tem histórico de tabagismo crônico e idade de 40 anos. Segundo Dr. Luis, a idade avançada e o tabagismo são fatores que imprimem uma gravidez de risco, mas a principal causa da morte foi o sofrimento fetal agudo, pois há dois dias a paciente perdia o líquido amniótico e não procurou atendimento médico.I

FAZER UM COMENTÁRIO

Participe. Deixe seu comentário aqui