Folha Ubajarense » Por onde anda o FPM de Ubajara?, por Tomas Filho
Entrevistas e Homenagens

Confira as entrevistas concedidas ao Jornal Folha Ubajarense. Em breve a sessão Homenagem Póstuma estará disponível

Ibiapaba online

Notícias da Ibiapaba:Viçosa do Ceará, Tianguá, Ubajara, Ibiapina, São Benedito, Guaraciaba do Norte e Carnaubal

Polícia

O interior do Estado do Ceará não é mais o mesmo. Violência, criminalidade e acidentes no trânsito fazem parte da rotina

Ubajaridade

A essência de ser ubajarense permanece arraigada nos habitantes dessa cidade pacata e de clima agradável

ümor

Artigos, Crônicas, Piadas. Tudo aquilo que você não precisa saber para viver com dignidade e qualidade de vida está aqui

الرئيسة » Opinião

Por onde anda o FPM de Ubajara?, por Tomas Filho

أرسلت بواسطة Monique Gomes في domingo, 25 setembro 2011لا تعليقات

Todos nós sabemos que os municípios brasileiros recebem uma verba destinada a soluções de políticas públicas chamado Fundo de Participação dos Municípios. Os valores variam sempre de acordo com o resultado do senso do IBGE, que informa o Governo Federal sobre a mudança nos números de cada município ano a ano. Esses números revelam o crescimento populacional e per-capito que mostram se o município está ou não aplicando bem esse dinheiro. Agora, o que muita gente não sabe, é que o cálculo para ampliar esse valor que é repassado aos municípios é feito sobre o aumento populacional e não nas obras que deveriam ser feitas.I

Pois bem, o município de Ubajara pouco tem aplicado esse recurso em seu verdadeiro destino, e para provar o que estamos falando, vamos começar pelas obras das praças que estão em máxima evidência, observem as suas placas e vejam de onde vem o dinheiro nelas investido: na maioria os valores são creditados ao Governo do Estado ou a emendas de parlamentares. Então fica comprovado neste sentido que o dinheiro do FPM não está sendo aplicado como deveria em nosso município, e o que chama mais atenção são os atrasos nas obras que são provenientes do governo estadual para consolidar as tão chamadas obras eleitoreiras que são concluídas próximas às eleições para deixar a mensagem que tanto o governo estadual quanto a prefeitura estão aplicando bem o dinheiro.I

Mas a verdade é outra, se observamos o desenvolvimento do nosso município veremos que ao invés de progredir voltamos no tempo. As estradas vicinais estão todas em péssimo estado e isso começou no início do ano em pleno inverno. E olha que as chuvas já acabaram há muito tempo, nós já vamos chegar em outro período de inverno e tem estradas em Ubajara onde carros não passam mais. Esta é a verdadeira situação e onde o FPM poderia fazer alguma coisa, mas não faz,  das estradas vamos para a água. Existem hoje em mais de quinze localidades que não tem água potável e muitos deles nem para os moradores tomar banho, em uma ocasião mais precisamente no Sítio Amazonas. Lá,  foi colocado um carro pipa para solucionar uma questão que já dura muitos anos, só que a água disposta por este carro é de péssima qualidade. Agora, as Escolas. A  maioria está em péssimo estado de conservação e podemos dizer’ caindo aos pedaços’. Na sede do município é mantida a aparência das escolas, pois precisam mostrar que tudo anda bem, mas a pergunta não quer calar.I

Por onde anda o dinheiro do Fundo de Participação dos Municípios? I 

À medida que vamos passando por várias Secretarias do Governo Municipal de Ubajara vamos vendo que esse dinheiro não passa por nenhuma, a saúde por exemplo em alguns PSF´S nem médico tem e muito menos remédios para o povo. E o que chama mais atenção é a forma do atendimento em muitos desses postos de saúde.  O FPM que deveria ser usado nas políticas públicas para solucionar os problemas da população não aparece em nada. Bairros da nossa cidade estão abandonados. É o caso do Nossa Senhora de Lourdes que podemos dizer que é o bairro do vereador adversário. Aí a população paga pela briga política. Isso é coisa do passado do tempo dos coronéis e por falar no tempo dos coronéis nunca vi num município tanto político se vendendo como aqui em Ubajara. Uns por cargos para parentes, outros por condições financeiras mais generosas e isso é uma vergonha, mas o povo que é partidarista e foi passado para trás esse vai sim dar a resposta em 2012 e alguns políticos novatos podem ter a plena certeza que não voltarão mais, pois quem trai o povo recebe a resposta que merece.I

Mas vamos voltar ao FPM, onde ele anda aqui em Ubajara? Queria, assim como todos, que a prefeitura mostrasse um painel de transparência do que faz com esse dinheiro para a população ter uma ideia onde está sendo aplicado. Afinal, é dinheiro do povo. No próximo falaremos sobre nepotismo. Abraço a todos desse amigo de vocês, Tomas Filho.I

.

Por onde anda o FPM de Ubajara?, por Tomas Filho, jornalista, repórter, apresentador e locutor. Trabalhou na Central Globo de  Jornalismo, no Rio de Janeiro, na TV Verdes Mares, em Fortaleza. Atuou como locutor e diretor nas Rádios Tempo FM,  Litoral FM,  Princesa FM, Jangadeiro FM e Club FM. Os artigos aqui publicados, bem como os comentários dos leitores, não representam necessariamente a opinião do Jornal Folha Ubajarense. Envie seu artigo para o e-mail da Redação: folhaubajarense@yahoo.com.br

FAZER UM COMENTÁRIO

Participe. Deixe seu comentário aqui