Folha Ubajarense » Comunicado importante
Entrevistas e Homenagens

Confira as entrevistas concedidas ao Jornal Folha Ubajarense. Em breve a sessão Homenagem Póstuma estará disponível

Ibiapaba online

Notícias da Ibiapaba:Viçosa do Ceará, Tianguá, Ubajara, Ibiapina, São Benedito, Guaraciaba do Norte e Carnaubal

Polícia

O interior do Estado do Ceará não é mais o mesmo. Violência, criminalidade e acidentes no trânsito fazem parte da rotina

Ubajaridade

A essência de ser ubajarense permanece arraigada nos habitantes dessa cidade pacata e de clima agradável

ümor

Artigos, Crônicas, Piadas. Tudo aquilo que você não precisa saber para viver com dignidade e qualidade de vida está aqui

الرئيسة » Editorial

Comunicado importante

أرسلت بواسطة Monique Gomes في segunda-feira, 16 janeiro 201220 تعليقات

Prezados leitores,I
Escrevo para comunicar que o Jornal Folha Ubajarense, a partir desta data, está encerrando as suas atividades. Quero agradecer aos anunciantes, que acreditaram no meu trabalho, a todos os leitores, aos assinantes do Boletim de Notícias, aos comentaristas, e especialmente aos vereadores, que renderam boas pautas…I

Qualquer semelhança com o fato da Fátima Bernardes ter deixado o Jornal Nacional é mera coincidência…I

O motivo principal do fechamento é que fixei moradia em outro município fora da Serra da Ibiapaba, portanto se tornou inviável a realização de reportagens fotográficas para o município de Ubajara. Mas o Jornal não sairá do ar. Pretendo continuar pagando a hospedagem do site na internet porque é um banco de dados importante, além de ser um espaço para os leitores publicar suas opiniões. Vejam esse e-mail que recebi no início de janeiro:I

OLÁ! ESTOU IMPRESSIONADO COM ESSE PORTAL SOBRE UBAJARA. SOU TERESINENSE MAS VENHO A UBAJARA DESDE PEQUENO E ESSA CIDADE FAZ PARTE DE MINHA VIDA. SEGUE UM TEXTO EM ANEXO Q FIZ A RESPEITO DESSE AMOR.I

SUCESSO A TODOS
E VIVA UBAJARA.I
SAULO BARRETO

Espero que vocês não me interpretem mal por abandonar o Jornal, mas eu preciso desenvolver minhas potencialidades e em Ubajara isso não é possível. Sou formada em Turismo. Ubajara não tem Turismo. Investi em conhecimento durante anos, estudei Jornalismo, Administração, Marketing e acabei de me formar em Letras/Português. Enfim, tenho meus motivos para buscar outras oportunidades.I

Eu lamento deixar vocês a mercê dos criminosos de colarinho branco. Hoje, a cidade de Ubajara não tem uma rádio comprometida com o povo e agora ficou sem um jornal independente. Isto é preocupante, mas tudo vai depender do comportamento de vocês diante dos acontecimentos. Vocês agirão como seres que pensam ou como ovelhinhas? Eu consegui manter o Jornal Folha Ubajarense mesmo trabalhando numa cidade vizinha e cursando uma universidade extremamente exigente. Uma prova de que é possível fazer barulho, ou seja, provocar o pensamento crítico das pessoas, transformar.I

Olha, um elefante incomoda muita gente, mas dois elefantes incomodam muito mais!I

Um leitor, que não tem vocaçao para ovelha, acabou de me enviar um e-mail, que transcrevo aqui:I

vc sabia que as 60 casas que estão sendo contruidas pela prefeitura estão sendo entregues sem o reboco? onde estão os cimentos que foram comprados ? cadê o dinheiro da verba? Com certeza desvio de dinheiro público, fotografe e chame novamente a imprensa. tem duas aqui no sitio suminario ja feitas e algumas na jaburuna ainda vão ser entregues.I

Entrego a vocês essa investigaçãoE outra coisa: não aceitem a vergonha nacional que a cidade de Ubajara está vivenciando com a falta de viatura e de policiais para cuidar da segurança da população.Quem cala, consente.I I

Para aqueles que acompanham meus artigos, crônicas, desde épocas remotas: pretendo voltar a manter um Blog. Provavelmente a partir de MARÇO voltarei a escrever, época em que terei finalizado um projeto importante aqui, na minha nova morada.I

Um grande abraço,I
Monique Gomes
Editora

20 تعليقات »

  • Rubens Nogueira said:

    vivemos num regime democrático de direito, por isso precisamos de uma imprensa livre e independente, não podemos nos curvar diante das ameças, precisamos de vozes como a deste jornal. Força e continue com seu belo trabalho.

  • Arajabu (Denes) said:

    Goodbye blue sky

  • Carlos Henrique said:

    É lamentável, a perda de uma excelente fonte de informação da nossa cidade que, deveria ter sido mais explorado, respeitado e abastecido de dados para o conhecimento de todos os Ubajarenses, principalmente dos que moram fora desta maravilhosa cidade. Monique, apesar de não lhe conhecer pessoalmente, parabéns pelo seu trabalho, dedicação e profissionalismo. De coração, lhe desejo sucesso em seu novo desafio. Abraço, Carlos Henrique

  • Vigevando said:

    Parabéns Monique pelo excelente trabalho! Sabemos da importância desse veículo de comunicação democrático desenvolvido por você. Lamento muito que você vá embora, mas o mais importante é que você seja feliz é que procure investigar, anunciar e denunciar aonde quer que esteja!

  • ivanilde said:

    Desejo-lhe muitas bênçãos nesta nova cidade … Tudo de bom,muita saúde pra vc e paz de espírito…

  • Edna cristina said:

    Monique, nunca opinei sobre qualquer matéria do jornal Folha Ubajarense, mas sempre admirei o seu trabalho comprometido com o povo de Ubajara, tentando despertar um pensamento crítico nas pessoas. Espero que continue com seu blog, e desejo muita sorte e sucesso na sua nova escolha.
    Abraços .
    Cristina freire

  • Sávio de Barros said:

    Olá gente! através desta folha venho pedir a cagece de Ubajara que por favor venha concerta o asfalto do distrito de Nova Veneza que se encontra todo esburacado por meio desta repartição , pois quando ia fazer algum reparo as suas emcanações abriam valas e lá deixaram todo esburacado o asfalto até Ubajara com uma promessa de concertar logo mas nunca voltaram ao local e como estamos quase ao entrar para o período do inverno a comunidade deste distrito vem pedir encarecidamente que a cagece venha concertar este estrago em quase todo o asfalto nada mais temos a declarar . atenciosamente um morador que se preocupa com o bem estar de nossa população.

  • DANIEL DENNIS said:

    Monique não lhe conheço pessoalmente, mas ao acompanhar o seu jornal me tornei um fã seu , um grande admirador do seu trabalho. É uma pena que Ubajara fique sem esse veiculo de informação tão importante que é o folha ubajarense. parabéns pelo trabalho e sorte na sua vida e nos seus novos projetos. Sou tianguaense mas acompanho sempre ubajara e vejo que o seu trabalho fazia com que os ubajarenses pensassem e refletisse. Esperamos que um dia voltes. Um abraço. Daniel

  • Agildo Siqueira said:

    O que mais me intristece nisso tudo Monique, é saber que pessoas que não merecem e nem tem competência são ajudas por todos e de todas as maneiras nesta cidade, desde que sejam ovelhas mudas, coniventes com os erros. Parabenizo vc por ter sido a nossa “Fátima Bernardes” nesse periodo sombrio que nossa cidade vive. Trazendo informação aos desinformados e jogando na cara dos covardes que é preciso criticar para haver mudanças. Obrigado.

  • Hilário Araújo said:

    Triste… Infelizmente é o que posso falar neste momento, já estou distante de Ubajara a algum tempo, também tive que trocar de moradia, talvez um pouco mais longe que a sua Monique mas o fato é que acompanho seu trabalho a anos e a única forma de ver Ubajara melhorando e aprendendo com suas críticas chegou ao fim, pena, pois os criticados eram os primeiros a vasculhar o portal folha, não tenha dúvida do bem que fez a cidade de Ubajara, é uma pena ver um projeto com este ficar parado no tempo e imagino o quanto deve ser doloroso para você, sei o quanto é difícil mais entendo que você não pode brigar sozinha nessa, agora é a vez do povo… de qualquer forma obrigado por todos estes anos de pura informação e verdade!

  • EZEQUIEL said:

    ate que enfim

  • Miguel R Oliveira said:

    Que pena que vc foi enbora espero que alguen continue oseu trabalho ai sou ubajarense do suminario nao vou ai a trinta anos mas acompanho o seu trabalho acho muito importante

  • Miguel R Oliveira said:

    que pena que você foi embora espero que alguém ai continue fazendo o seu trabalho que e muito importante sou ubajarense do suminario não vou ai a trinta anos mas acompanho pela internet os acontecimentos da cidade

  • Francisco melo said:

    Eu não a conhecia pessoalmente, mas posso garantir que a referida tem potencial e legitimidade naquilo que fala e expõe. A referida sabe como ninguém que ao expor os fatos com sabedoria abraça a massa dos esquecidos, dos desconhecidos, dos desprotegidos.
    Boa sorte, em sua nova empreitada!

  • FABIO.BARROS- Fortaleza said:

    Poxa, era a forma mais barata e rápida de ir para Ubajara. :) A forma mais simples e eficaz de tocar a ferida dos imorais e pobres de espírito! De qualquer forma, Monique, apesar de não ter tido muito contato, desejo-lhe felicidade e força na sua nova empreitada.

    Pessoas com a sua coragem estão em extinção e por isso são dignas de aplausos. Espero que a sua semente germine e que a luta inglória por uma sociedade mais justa não se enfraqueça na cabeça dos bons ubajarenses ..

  • jb said:

    essa cidade so tem cordeirinho .precisa de muito omo ,homem veja pra limpa a sujeira q existe de baixo dos tapetes de ubajara tem vassoura ou so bruxas voadoras .com omo veja tem faxina nao moro AI EM UBAjara .

  • jb online said:

    veriadora em cima do muro e veriador puxa saco, a escola la do st salgado esta caindo em cima das criança caso aja um acidente com eles v6 e o prefeito serao os respos …ola prefeito fui de feria em outubro ai esta uma mmmmmmmmdddddddaaa…..

  • Inocêncio Nóbrega Filho said:

    No Brasil está garantido o direito da livre expressão e acesso às informações. Na prática, isso não acontece, pois, por sermos um paraíso dos monopólios internacionais tal legislação é prejudicada pelos grandes conglomerados da mídias, que só repassam notícias de interesses seus e das matrizes internacionais.

  • rafael amancio said:

    Cara Monique,

    Estive residente em Ubajara durante os anos de 1993 a 1997; período este em que meu pai fixou-se como administrador do equipamento Teleférico de Ubajara. Após este áureo período de minha vida , casei com uma Ubajarense e retornei a Forteleza, de onde parti e para onde retornei. Hoje tenho duas filhas e visito a serra não com muita frequencia. Ficou-me com certeza, guardado nos recônditos mais desvãos ( e felizes ) de minha mente, as boas aventuras que por esta terra mágica vivenciei, inclusive ao lado de amigos como vc, o neto da pintal, as ana lúcias, o betinho, etc.
    Doravante acalantarei também minha saudade à este veículo que me punha em contato remoto com Ubajara.

  • Dagoberto Costa said:

    Esse seu amor por Ubajar me constrange. Espero que voce continue sendo sempre essa mulher guerreira e linda. Conte comigo.

FAZER UM COMENTÁRIO

Participe. Deixe seu comentário aqui