Folha Ubajarense » Açúcar e Câncer, por Amilton Costa
Entrevistas e Homenagens

Confira as entrevistas concedidas ao Jornal Folha Ubajarense. Em breve a sessão Homenagem Póstuma estará disponível

Ibiapaba online

Notícias da Ibiapaba:Viçosa do Ceará, Tianguá, Ubajara, Ibiapina, São Benedito, Guaraciaba do Norte e Carnaubal

Polícia

O interior do Estado do Ceará não é mais o mesmo. Violência, criminalidade e acidentes no trânsito fazem parte da rotina

Ubajaridade

A essência de ser ubajarense permanece arraigada nos habitantes dessa cidade pacata e de clima agradável

ümor

Artigos, Crônicas, Piadas. Tudo aquilo que você não precisa saber para viver com dignidade e qualidade de vida está aqui

الرئيسة » Opinião

Açúcar e Câncer, por Amilton Costa

أرسلت بواسطة Monique Gomes في terça-feira, 22 setembro 20092 تعليقات

Convidado a escrever periodicamente neste espaço, trarei questões relacionadas à saúde e seus caminhos atuais que nos direcionam a novas tomadas de decisões para uma vida mais saudável e em sintonia com o ambiente em que vivemos.I

Como dentista, não costumo ver a saúde apenas restrita simplesmente à cavidade bucal, e muito menos o paciente se resumindo ao dente que está com problema e precisa ser tratado. Vai muito além do ser humano, da pessoa que precisa ser reconhecida em toda sua potencialidade.I

Os caminhos atuais da ciência e suas descobertas traçam novos paradigmas que precisam de novas posturas diárias para termos mais saúde e vivermos mais. Um mundo de possibilidades bate à nossa porta, precisamos estar atentos.I

Novos hábitos alimentares podem prolongar nossa estadia no planeta e evitar doenças como o câncer. O açúcar, por exemplo, em excesso pode, além de causar a doença cárie, pois está associado à ação das bactérias que causam a doença na boca e utilizam o açúcar como substrato para produção de um ácido que desmineraliza o dente causando sua destruição. Pesquisas recentes, como a do cientista David Servan-Scheriber,um grande médico e professor da Universidade de Pittsburgh nos EUA que foi surpreendido por um tumor de cérebro quando tinha 31 anos, e a partir daí passou a estudar a doença e as formas de combatê-la. Ele nos mostra que existem três fatores cruciais que abalaram o nosso ambiente nos últimos 60 anos: o aumento exagerado no consumo do açúcar; a transformação da agricultura, da criação de animais e alimentos; e a exposição a produtos químicos que não existiam antes.I

Segundo o cientista, o açúcar alimenta o câncer. Hoje consumimos uma média de 70 quilos de açúcar por ano. Quando ingerimos alimentos de índice glicêmico elevado (que fazem subir rapidamente a taxa de glicose no sangue) como o açúcar ou farinhas brancas, o corpo libera rapidamente uma dose de insulina para que a glicose penetre nas células. Junto com a insulina também é produzida a molécula chamada IGF (insulin-like grown factor), que tem como característica  estimular o crescimento das células. Ou seja, o açúcar alimenta e faz com que os tecidos cresçam rapidamente. Essas duas substâncias impulsionam  os fatores da inflamação que agem como  ‘’adubos’’ dos tumores. Pesquisadores descobriram que os camundongos reagem pior à quimioterapia quando o sistema insulina estava ativado pela presença do açúcar.I

Os cientistas precisam,então,desenvolver medicamentos contra o câncer que permitam reduzir os picos de insulina e de IGF no sangue. Um hábito que pode ajudar a prevenir o câncer é limitar severamente o consumo de açúcar.I

Evitar balas,doces e outras guloseimas e estimular o consumo de frutas,fibras e boas gorduras como a presente no azeite de oliva e óleo de semente de linhaça. E praticar atividade física regularmente também é importante.I

Tenhamos todos uma vida longa e saudável…I

 

amilton

 

Açúcar e Câncer, por Amilton Costa
Dentista,Coordenador de Saúde Bucal em Ubajara, Especialista em Saúde Pública, Blogueiro www.amiltonlive.blogspot.com

 

2 تعليقات »

  • sueli said:

    E não devemos esquecer que o açucar também envelhece!

  • Monique Gomes (author) said:

    Sueli:bem lembrado, por isso que eu amo tudo que é zero. É zero, tô dentro.

FAZER UM COMENTÁRIO

Participe. Deixe seu comentário aqui