Folha Ubajarense » Em Tianguá, moradores do Arapá sofrem com a falta de água
Entrevistas e Homenagens

Confira as entrevistas concedidas ao Jornal Folha Ubajarense. Em breve a sessão Homenagem Póstuma estará disponível

Ibiapaba online

Notícias da Ibiapaba:Viçosa do Ceará, Tianguá, Ubajara, Ibiapina, São Benedito, Guaraciaba do Norte e Carnaubal

Polícia

O interior do Estado do Ceará não é mais o mesmo. Violência, criminalidade e acidentes no trânsito fazem parte da rotina

Ubajaridade

A essência de ser ubajarense permanece arraigada nos habitantes dessa cidade pacata e de clima agradável

ümor

Artigos, Crônicas, Piadas. Tudo aquilo que você não precisa saber para viver com dignidade e qualidade de vida está aqui

الرئيسة » Ibiapaba online

Em Tianguá, moradores do Arapá sofrem com a falta de água

أرسلت بواسطة Monique Gomes في quinta-feira, 26 novembro 2009تعليق واحد

aguatianguaTianguá. A falta de água é o principal problema vivido pelos moradores da localidade de Arapá, zona rural deste município, a 20km da sede. A população diz que o problema surgiu depois do inverno, meados de agosto para ser mais preciso, e que já aconteceu uma série de reuniões, mas o problema da falta de água ainda persiste. “Eles prometem que o problema será resolvido, mas até agora a única coisa que aconteceu de novo foi a conta que aumentou”, disse, indignada, a dona de casa Eliane de Lima Sá, que chegou a informar que, para banhar os filhos, pega água em um barreiro próximo a sua casa. O problema afeta cerca de 500 famílias que moram na localidade e que dependem da água para as tarefas do dia a dia. Mas o lado mais crítico é dos moradores da parte mais alta do distrito. “Aqui, água só à noite e nem chega todos os dias. Temos que ficar de vigília para conseguir algo”, contou a aposentada, Antônia Maria da Conceição. O presidente da associação comunitária local, Argentino Expedito de Sá, disse que o abastecimento de água na comunidade é de responsabilidade do Sistema de Integração de Saneamento Rural (Sisar), e que o problema estaria relacionado ao grande número de ligações clandestinas. “O problema já foi detectado. Houve um aumento significativo de ligações de residências que não aparecem no cadastro da empresa”, disse o presidente da associação. Segundo informou, uma nova adutora será construída, aumentando assim a vazão de água, podendo superar a carência. O gerente administrativo do Sisar, Adalto Alves, adiantou que a empresa já detectou o problema e, em breve, toda comunidade voltará a ter o sistema de abastecimento normalizado. “Fizemos um recadastramento e detectamos que, além de ligações clandestinas, encontramos residências que não possuiam hidrômetro, provocando o descontrole no consumo”.I

Reportagem e foto de Wilson Gomes

Fonte: http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=696222

تعليق واحد »

  • Raimundo N. Carneiro said:

    Tudo isto que està acentecendo no Arapá é A prova da inresponsabilidade daqueles que foran eleitos para representar a comunidade e nen se quer discute o problema ou porque sâo disprovido da capacidade de raciocinio.

FAZER UM COMENTÁRIO

Participe. Deixe seu comentário aqui