الرئيسة » História dos jornais

História dos jornais

Em 1900, quando Ubajara ainda era um povoado, o ubajarense José Agapito Pereira desenvolveu um jornal escrito à mão. Anos depois, outros jornais foram fundados também de forma artesanal, através de um recurso tipo a serigrafia que conhecemos hoje, letra à  letra. Naquela época, já se percebia a importância do jornalismo como propulsor de grandes transformações. Com a elevação da vila à categoria de cidade e com o advento da Revolução Industrial, a tradição da cidade de Ubajara em publicar periódicos seguiu adiante.I

 

Jornais que circularam em Ubajara

 

O Cascudo, 1900

Jornal manuscrito fundado por José Agapito Pereira

O Porvir, 1901

 Jornal manuscrito fundado por Pompílio Abílio Pereira

Ubajara, 1904 

Primeiro Jornal impresso fundado por Raimundo Magalhães com duração de 6 meses

O Oriente, 1908

Jornal manuscrito fundado por José Vasconcelos

A Tesoura, 1908

Jornal crítico e humorístico que surgiu para combater O Oriente

O Serrano, 1909

Jornal impresso fundado por José Vasconcelos com duração de 1 ano

A Ibiapaba, 1915

Fundado e editado por Manoel Miranda e Craveiro Filho. Teve duração de 6 meses

 Manuel Ferreira de Miranda nasceu em 02 de agosto de 1886. Estabeleceu-se em Ubajara em 1903, onde instalou a “Farmácia Miguel Couto” (atual Farmácia Jurupary). Em 1915 fundou o jornal A Ibiapaba, quando Ubajara era apenas uma vila. Anos antes, foi um dos responsáveis pelo Jornal O Serrano. Em 1924 iniciou a publicação da Gazeta da Serra, informativo de grande influência na região norte do Estado. Era impresso de forma artesanal em sua própria oficina. Passando a residir em Fortaleza, fundou o Jornal A Tarde. Colaborou com artigos para os jornais: “O Rebate”, de Sobral, o “Nortista” e a “Gazeta do Sertão”, do Ipú, entre outros. Escreveu para os almanaques “Bertrand”, “Luso Brasileiro” e “Senhoras”. Manoel Ferreira de Miranda faleceu no Rio de Janeiro, em 13 de julho de 1955, aos 69 anos

 

Ubajara, 1916

Segunda fase do jornal que teve início em 1904. Responsáveis: Abdelkader Magalhães, Grijalva Costa e Hemetério Pereira. Teve duração de 6 meses

A Gazeta da Serra, 1924

Jornal fundado por Manoel Miranda. Impresso em oficinas próprias

Ubajara Revista, 1925

Publicação periódica fundada e dirigida por Oscar Magalhães e Flávio Ribeiro Lima. Teve a duração de um ano

O Porvir,1926

 

Ubajara, 1928

Na terceira fase, foi editado por Grijalva Costa e Hemetério Pereira

O Sol, 1928

 

A Serra Grande, 1956

Fundado por Edmundo Macedo, era impresso em Fortaleza. Circulou de maio de 1956 a fevereiro de 1957. 1962 O Planalto, fundado por Dário Macedo. Impresso em Fortaleza. 1995 Informativo Soares & Cunha, periódico trimestral das Famílias Soares e Cunha editado por Rubens Soares Costa

A Luz,1932

 

O Senhor da Canoa, 1995

Fundado por Edmundo Macedo, inicialmente foi impresso em São Paulo. A partir de 1999 foi editado em Ubajara, por Monique Gomes. A última edição circulou em 2002

Folha da Serra, 1997 

Fundado por Fco. Estevão dos Santos Carmo. Teve a duração de 7 anos

Jornal Folha Ubajarense, 2005

Fundado e editado por Monique Gomes

Folha Ubajarense online, 2009

Site desenvolvido e editado por Monique Gomes

  

As pessoas que fazem a História
nem sempre se dão conta
de que estão fazendo